Skip to content

Noni ou Morinda – Uso, benefícios e efeitos colaterais

A fruta Noni ou Morinda é uma pequena árvore perene nas Ilhas do Pacífico, sudeste da Ásia, Austrália e Índia que geralmente cresce entre os fluxos de lava. Historicamente, o Noni era usado para fazer um corante vermelho ou amarelo para roupas.

Também era usado como medicamento, geralmente aplicado diretamente na pele.

Noni - uso, benefícios e efeitos colaterais

Hoje, as frutas, folhas, flores, caules, cascas e raízes de Noni ainda são usadas para fazer remédios para uma longa lista de doenças.

No entanto, a eficácia da Morinda para esses usos como remédio não foi comprovada. O FDA e também a Anvisa no Brasil emitiu vários avisos proibindo os fabricantes de suplementos alimentares que a usavam sobre alegações de saúde que não são suportadas por pesquisas.

No entanto, existe o dito popular que não se cala, e centenas de testemunhos em páginas do Facebook e vídeos reais de muitas pessoas que proliferam a informação do uso benéfico da Noni.

Muitas dessa pessoas reais dizem que tomam a fruta em forma de suco ou chá por via oral para se prevenirem de câncer, infecções, tratar pressão alta e muitas outras indicações, mas não há “provas e evidências científicas” para apoiar esses usos.

As folhas de Noni: elas são usadas para se livrar de artrite, dor de cabeça ou problemas de pele, a aplicação das folhas em geral é feito na área afetada e nada mais.

A fruta Noni cozida: quando feito como alimento, as frutas, folhas, raízes, sementes e casca são consumidas e comidas normalmente em refeições diárias.


O que é o Noni?

Qual o significado de Noni? A planta é nativa da Ásia, Austrália e ilhas da Polinésia, é uma pequena árvore. As flores brancas da planta são tubulares. A fruta é de cor branco-esverdeada-amarelada e grande, com uma superfície de seixos, parecido com uma pinha ou fruta do conde.

A fruta madura tem um odor característico de queijo estragado.


Nome Científico da fruta.

Morinda citrifolia


Nomes mais comuns encontrados.

A fruta Noni também é conhecido com o nome de morinda, ach, achi, anino, awltree, bengkudu, bo-aal, caribe te, dilo-K, hag apple, hog apple, folha de gelo, amoreira indiana, kura, mengkoedoe, mengkudu, minamaram, Morinda littoralis amoreira, eagugu, nhau, nui, nho, presa, nom, thom, noko, nona, noni, nono, nonu, nuna, oko, analgésico, patje, pemii, riro, ruibarbo, te non, rra, yeiawa Harachan.


Para que a  fruta Noni serve e é usada?


Usos tradicionais e etnobotânicos.

Os curandeiros polinésios usam frutas Noni há milhares de anos para ajudar a tratar uma variedade de problemas de saúde, como diabetes, pressão alta, dores, dores, queimaduras, artrite, inflamação, tumores, os efeitos do envelhecimento e parasitas, virais e bacterianos. infecções.

No Brasil, em muitas regiões do país, esse conhecimento também é repassado e muitas pessoas do interior das cidades de todos os estados, fazem uso do Noni para curar uma infinidade de problemas de saúde.

Alguns manuscritos antigos citam a fruta como um elemento e ingrediente principal em formulações naturais de cura para diversos males.

Hoje, as preparações de frutas são vendidas como suco, extrato e elixir, na forma seca, as folhas e a fruta são desidratadas, também são transformadas em pó e encapsuladas para ingestão via oral (Cápsulas de Noni).


Quais os usos gerais da Noni?

O remédio caseiro feito com Noni tem sido tradicionalmente usado para aliviar e afastar resfriados, gripes, diabetes, ansiedade e pressão alta, bem como para depressão e ansiedade.

Todas as partes das plantas são usadas para uma variedade de doenças na cultura Samoana, e o Noni é um dos medicamentos vegetais havaianos mais usados, tanto quanto o coco.

As alegações que não foram comprovadas em ensaios clínicos e científicos incluem: o uso de casca para o tratamento de infecções bacterianas, tosse, diarréia em bebês e doenças estomacais; as flores para olhos irritados ou doloridos, chiqueiros, conjuntivite, inflamação ocular e tosse; os frutos de asma, feridas, ossos quebrados, infecções de boca e garganta, tuberculose, vermes, diarréia, febre, vômitos, doenças oculares, artrite, depressão, convulsões, infecções bacterianas e fúngicas, vírus e como tônico; o suco de frutas frescas para câncer; as folhas secas usadas externamente para infecções, queimaduras, resfriados e inflamação no peito das crianças e internamente para furúnculos, pleurisia, gengivas inflamadas e dor artrítica; as folhas frescas usadas externamente para queimaduras e internamente para febres, hemorragia, infecções bacterianas e inflamação; e as raízes para ulcerações orais, febres e inchaços cancerígenos.


Qual a dosagem de Noni recomendada?

Dose de 30 ml a 750 ml ao dia. A dosagem de 500 mg de extrato não é considerada tóxica. Vale mencionar que a dose apropriada de Noni depende de vários fatores, como idade, saúde do usuário e várias outras condições.

No momento, não há informações científicas suficientes para determinar uma faixa apropriada de doses de Noni em pacientes.

Lembre-se de que os produtos naturais nem sempre são necessariamente seguros e as dosagens podem ser importantes para manter tudo sob controle.


Contra indicações.

As contra-indicações ainda não foram identificadas e catalogadas, mesmo porque, a fruta é usada como remédio caseiro e não como remédio farmacológico com receita e bula que contém os efeitos adversos.

Para que haja contra-indicações, seria preciso regulamentar o Noni como remédio autorizado pelo órgão responsável pela saúde pública Anvisa.


Gravidez, lactação e amamentação.

Gravidez e aleitamento: Não tome Noni se estiver grávida. Historicamente, o Noni também tem sido usado para causar abortos pelo seu efeito abortivo. Também é melhor evitar o Noni se estiver amamentando.

Atualmente não se sabe o suficiente sobre qual a segurança de tomar ou comer a fruta Noni durante a amamentação.

Nota: Faltam informações sobre segurança e eficácia na gravidez e lactação.

Para que a  fruta Noni e Morinda serve e é usada?Interações com remédios.

Medicamentos para pressão alta (inibidores da ECA) interagem com NONI. Alguns medicamentos para pressão alta podem aumentar os níveis de potássio no sangue. O consumo de suco de Noni junto com esses medicamentos para pressão alta pode causar excesso de potássio no sangue.

Medicamentos que podem prejudicar o fígado (drogas hepatotóxicas) interagem com NONI. Noni pode prejudicar o fígado. Tomar suco ou chá da fruta junto com medicamentos que também podem prejudicar o fígado pode aumentar o risco de danos ao fígado. Não tome chá de Noni se estiver tomando um medicamento que possa prejudicar o fígado.

Alguns medicamentos que podem prejudicar o fígado incluem acetaminofeno (Tylenol e outros), amiodarona (Cordarona), carbamazepina (Tegretol), isoniazida (INH), metotrexato (Rheumatrex), metildopa (Aldomet), fluconazol (Diflucan), itraconazol (Sporanox), eritromicina (Eritrocina, Ilosona, outros), fenitoína (Dilantin), lovastatina (Mevacor), pravastatina (pravastatina) Zocor) e muitos outros.


Efeitos colaterais e segurança.

Não há informações disponíveis sobre as reações adversas relacionadas ao Noni.

No entanto, o Noni é POSSÍVELMENTE SEGURO quando a fruta é consumida como alimento. Contudo, existe a preocupação de que tomar ou comer a fruta em quantidades medicinais também seja POSSÍVELMENTE SEGURO.

O alerta especial fica por conta do chá ou suco de Morinda, que se tomado em grande quantidade pode causar danos ao fígado em algumas pessoas.

Existem vários relatos de danos no fígado em pessoas que beberam chá ou suco de Noni por várias semanas seguidas. No entanto, não se sabe ou se tem certeza ao certo se a fruta foi a causadora dos problemas.

Precauções e avisos especiais:

Problemas renais: Noni contém grandes quantidades de potássio. Isso pode ser um problema, especialmente para pessoas com doença renal. Há um relato de uma pessoa com doença renal desenvolvendo altos níveis de potássio no sangue após beber o suco. Não use se tiver problemas renais.

Altos níveis de potássio: beber suco de fruta pode aumentar os níveis de potássio e torná-los ainda mais altos em pessoas com muito potássio no corpo.

Doença hepática: Noni tem sido associado a vários casos de danos no fígado. Evite usá-lo se você tiver doença hepática.


Toxicologia.

Potencial dano hepático foi observado. Pessoas com doença renal e elevação inexplicada de potássio devem ser cautelosas ao usar Noni, pois isso pode aumentar os níveis de potássio.


Referências.

1. Noni. Revisão de “Produtos naturais”. Fatos e comparações [banco de dados online]. St. Louis, MO: Wolters Kluwer Health Inc; Maio de 2011.
2. Noni. Revisão em “Vitaminas e suplementos” na página https://www.webmd.com/vitamins/ai/ingredientmono-758/noni.


Outras informações.

Sempre consulte seu médico para garantir que as informações exibidas nesta página se apliquem às suas circunstâncias pessoais. E ao tomar qualquer medicamento, certifique-se de seguir as instruções relevantes nos rótulos dos produtos e consulte seu farmacêutico ou médico ou outro profissional de saúde antes de usar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *